Fidelidade e Hormônios


 

Hormônio do amor

Hormônio pode ser responsável pela docilidade

e fidelidade feminina

  

 

 

 

A ocitocina é um hormônio encontrado com muito mais abundância nas mulheres que nos homens. Até há pouco tempo, sabia-se que ele estava ligado à maternidade, colaborando para as contrações do parto e para a ejeção do leite na amamentação. Além disso, o hormônio é um dos responsáveis pelas boas sensações do orgasmo.

 

 

Novos estudos, entretanto, têm mostrado que esse "hormônio do amor" pode ser responsável pela docilidade maior das mulheres em outras fases da vida, inclusive em momentos de estresse, quando os homens apresentam reações de luta e fuga. A ocitocina também pode ser a responsável pelo sentimento maior de confiança e, pasmem, pode ser um motivo para a fidelidade.

 

 

Experiências realizadas na Universidade de Ilinois, nos Estados Unidos, mostram a relação da ocitocina com a fidelidade foram realizadas apenas com ratos: uma espécie monogâmica tinha a presença da substância e "apaixonava-se" pela companheira depois do primeiro orgasmo e cuidava com ela da prole. Já na espécie promíscua não foi encontrada a substância. Apesar de os humanos serem sempre influenciados pela cultura, esse pode ser um indício para explicar porque as mulheres costumam ser mais fiéis. Será?

 

 

 

Fonte: Bolsa de Mulher

 

 

 

Anúncios